Publicado em Deixe um comentário

Inscrições para o programa de ensino de Iniciação Científica “Decola Beta Professores”

Imagem de divulgação do Decola Beta Professores, com uma imagem de duas mulheres sorrindo.

O Cientista Beta é uma iniciativa que quer aproximar os jovens da ciência. Com o apoio do Instituto Serrapilheira, eles criaram o Decola Beta Professores. Esse programa foi criado para apoiar professores na orientação e desenvolvimento de projetos científicos com alunos de escolas de ensino fundamental, médio e técnico.

LEIA MAIS: Conferência “HUB 19: conexões para a educação do futuro” aborda inovações no ensino

Podem participar professores do ensino básico e superior, estudantes de licenciatura e de pós-graduação e também funcionários de Secretarias de Educação. O importante é ter interesse em orientar projetos científicos de alunos de escolas dos ensinos fundamental, médio e técnico das redes pública ou privada. Não é necessário ter experiência prévia com orientação de projetos científicos.

Como funciona o Decola Beta Professores

O programa tem duração de 6 meses e é composto por uma formação presencial de 2 dias. Além disso, existe um acompanhamento na plataforma durante os meses seguintes.

Imagem explicativa sobre o programa Decola Beta Professores, com informações sobre os encontros e um fundo na cor roxa.

Após a formação presencial, ao longo de 6 meses os professores passarão por 5 etapas que compõem o Programa:

  1. Preparar: preparar a estrutura para a orientação de projetos; comunicação com alunos, outros professores e escola; criação do Clube de Ciências da escola; definição do tema da pesquisa junto com os alunos.
  2. Apontar: orientação para que os jovens cientistas se apropriem do tema da pesquisa; construção e etapas do Plano de Pesquisa; elaboração do Diário de Bordo; ferramentas para busca bibliográfica.
  3. Experimentar: exemplos de experimentos e atividades práticas possíveis; comitê de ética e segurança no processo; trabalho em equipe; envolvimento do jovem com a pesquisa.
  4. Documentar: condução da análise de dados; discussão; correlação com bibliografia; elaboração do Relatório de Pesquisa.
  5. Divulgar: divulgação Científica no cotidiano; comunicação para diferentes públicos; atividades do Clube de Ciências.

VEJA MAIS: Ferramenta gratuita aborda competências digitais para professores

As cidades escolhidas para as formações presenciais são:

  • Porto Alegre – na Tecnopuc – 3 e 4/05
  • Campo Grande – na UFMS – 18 e 19/05
  • Manaus – no FabLab Manaus – 25 e 26/05
  • Fortaleza – na CENTEC – 8 e 9/06
  • Brasília – no Espaço MeViro – 15 e 16/06
  • Campinas – no COTUCA – 29 e 30/06
  • Rio de Janeiro – no iHUB do Parque Tecnológico da UFRJ – 6 e 7/07

As formações acontecem em finais de semana, das 9h às 18h30. O investimento é de R$ 100,00 a R$ 200,00. O valor inclui os 6 meses do programa e só é possível pelo apoio do Instituto Serrapilheira, que é um dos principais mantenedores do Decola Beta Professores. Saiba mais informações sobre o programa no site do Cientista Beta.

Publicado em Deixe um comentário

Curso de Comunicação Não-Violenta na Educação acontece em SP

Fotografia de uma mulher conversando com uma criança. No centro há o texto "Comunicação Não-Violenta voltada para a Educação - 15 e 16 de junho, em São Paulo".
Fotografia de uma mulher conversando com uma criança. No centro há o texto "Comunicação Não-Violenta voltada para a Educação - 15 e 16 de junho, em São Paulo".

Em junho acontece o curso sobre Comunicação Não-Violenta na Educação. Essa formação tem como objetivo construir e ampliar a consciência das pessoas sobre a educação e o relacionamento no meio educacional. E, é claro, pensar nesses assuntos com base nos princípios da comunicação não-violenta.

LEIA MAIS: Crescer Aprendendo: trilha mostra como superar os maiores desafios com as crianças

O encontro ensina e mostra como integrar a CNV nos processos de aprendizagem escolar. Assim, é possível entender o funcionamento da comunicação e o seu impacto na sala de aula; como criar espaços de confiança; entender mais sobre empatia e as relações no ambiente educacional; aprender questões práticas sobre a escuta e o desenvolvimento da inteligência, entre outros temas.

OLHA SÓ: Novo portal do CENPEC oferece acervo pedagógico para educadores

Será nos dias 15 e 16 de junho, das 9h às 18h, totalizando 16h de curso. O encontro é na Teia Multicultural, em Perdizes, São Paulo. Para saber mais informações, acesse o site do curso.


Publicado em Deixe um comentário

Mergulho na Ciência USP: curso gratuito para alunas do Ensino Fundamental

Imagem de divulgação do Mergulho na Ciência USP. No fundo há uma foto com um filtro branco de diversas alunas sentadas no parque. No centro da imagem há a ilustração na cor azul de uma mulher rodeada com livros, uma lupa e outros objetos de estudo científico. Ao redor há o texto "Mergulho na Ciência USP"
Imagem de divulgação do Mergulho na Ciência USP. No fundo há uma foto com um filtro branco de diversas alunas sentadas no parque. No centro da imagem há a ilustração na cor azul de uma mulher rodeada com livros, uma lupa e outros objetos de estudo científico. Ao redor há o texto "Mergulho na Ciência USP"
(Reprodução)

Esse é um curso voltado para alunas do Ensino Fundamental que gostam de ciências, são curiosas e amam aprender coisas novas. Mergulho na Ciência USP é uma formação gratuita composta por palestras, oficinas e aulas práticas.

LEIA MAIS: Olimpíada de Atualidades da Facamp abre inscrições para estudantes

O foco são nas alunas do 5o ao 9o ano, de diferentes idades. 50 meninas serão sorteadas para o evento, sendo 25 de escolas públicas e 25 de escolas particulares. Além disso, 15 graduandas serão sorteadas para serem monitoras. O curso vai falar sobre temas como astrobiologia; astronomia; educação; farmacologia; física; microbiologia; neurociências; oceanografia; química; zoologia e evolução.

OLHA SÓ: Encontro da Rede Nacional de Educação e Ciência – Novos Talentos da Rede Pública acontece no RJ

A formação será no Instituto Oceanográfico, na Universidade de São Paulo, localizado na Praça do Oceanográfico, 191. Ele acontece entre os dias 24 e 27 de julho, das 9h às 17h, e há almoço e lanches inclusos. As inscrições acontecem entre os dias 20 e 31 de maio. O sorteio sai no dia 5 de junho e a segunda chamada será no dia 12 do mesmo mês. Para saber mais sobre as inscrições e mais informações do curso, é só acessar o site do Mergulho na Ciência.

Publicado em Deixe um comentário

Movimento Maker na Educação: workshop gratuito para professores

Fotografia de cinco crianças no laboratório Maker da Little Maker. Eles estão divididos em duas bancadas, mexendo com materiais.
Fotografia de cinco crianças no laboratório Maker da Little Maker. Eles estão divididos em duas bancadas,  mexendo com materiais.
(Divulgação)

Na Bett Educar 2019, a Little Maker promoverá o workshop Movimento Maker na Educação. O evento acontece entre os dias 14 a 17 de maio e é destinado a educadores do ensino básico.

LEIA MAIS: Olimpíada de Atualidades da Facamp abre inscrições para estudantes

O curso mão na massa e gratuito abordará conceitos e ferramentas importantes para pensar atividades Maker. Tudo isso com o objetivo de promover uma Aprendizagem Significativa em sala de aula, antes de priorizar investimentos em espaço e ferramentas.

No workshop Movimento Maker na Educação o participante pode:

  • Conhecer mais sobre Aprendizagem Criativa, e seu potencial em criar significado emocional aos conhecimento e competências.
  • Entender como integrar a BNCC de forma fluida e completa, promovendo uma educação integral;
  • Aprender como a abordagem de Reggio Emilia e Aprendizagem Visível pode enriquecer as atividades.

As vagas são limitadas, e as inscrições podem ser feitas pelo link do evento: www.sympla.com.br/littlemaker.

Publicado em Deixe um comentário

Olimpíada de Atualidades da Facamp abre inscrições para estudantes

Imagem com o fundo branco e o texto "FCMP 20 anos. Olimpíadas de Atualidades FACAMP" em azul.
Imagem com o fundo branco e o texto "FCMP 20 anos. Olimpíadas de Atualidades FACAMP" em azul.
(Reprodução)

A Facamp (Faculdades de Campinas) está promovendo a 5ª edição da sua Olimpíada de Atualidades. A competição é a única do país voltada para esta modalidade e é voltada para estudantes do 2º ou 3º ano do Ensino Médio e pré-vestibulandos. As inscrições são gratuitas e acontecem entre 13 de maio e 12 de junho.

LEIA MAIS: Evento musical Ciranda de Filmes acontece em São Paulo

A Olimpíada avaliará questões atuais das áreas de humanas e engenharias. Todo o conteúdo cobrado está disponível em 21 vídeos produzidos por professores da Facamp e disponíveis no canal no YouTube. Temas como o Aquecimento Global, as Mudanças Tecnológicas, o Mercado de Trabalho Hoje e A Nova Política Americana serão abordados.

OLHA SÓ: Biblioteca Pró-Saber e o poder transformador da leitura

Os três primeiros colocados serão premiados com MacBook PRO (1º lugar), iPhone XS Max (2º lugar) e iPhone XR. As provas serão compostas por duas fases: a primeira, em 14 de junho, é online e de múltipla escolha. Já a segunda fase, marcada para 31 de agosto no Campus da Facamp em Campinas – SP, é presencial e dissertativa. Para esta etapa, serão selecionados os 300 mais bem classificados na primeira fase.

Inscreva-se, saiba mais informações e veja o regulamento completo no site da Olimpíada de Atualidades da Facamp.

Publicado em Deixe um comentário

4 planos de formação de educadores do Escolas Transformadoras

Imagem de capa do documentário "Corações e Mentes", que deu origem aos 4 planos de formação de educadores do Escolas Transformadoras
Imagem de capa do documentário "Corações e Mentes", que deu origem aos 4 planos de formação de educadores do Escolas Transformadoras
(Divulgação)

Os Planos de Formação de Educadores foram inspirados nos quatro episódios da série “Corações e mentes, escolas que transformam”. Esses materiais foram desenvolvidos pensando nos diretores de escolas e coordenadores pedagógicos, visando momentos de formação. Assim, eles buscam contribuir com o aprimoramento das práticas escolares em busca de uma educação transformadora.

LEIA MAIS: Guia de sobrevivência da educação inovadora apoia projetos que querem transformar

Dessa forma, esses educadores podem fomentar planejamentos e ações que promovam um trabalho mão na massa sobre o que está acontecendo na escola. Ou seja, podem utilizar em reuniões e em horários formações, além de serem uma ferramenta para melhorar a relação com os pais dos alunos.

Sobre os Planos de Formação de Educadores

Cada um dos planos foi elaborado a partir de um desafio que escolas da educação enfrentam. Além disso, alguns valores foram cruciais para promover essa ação: empatia, trabalho em equipe, criatividade e protagonismo. A partir disso, os gestores foram convidados a reconhecerem esses desafios e buscar maneiras de mudar suas realidades.

VEJA TAMBÉM: Estudante de Bangu conquista bolsa de intercâmbio para a Universidade de Columbia (NY)

Para ter a uma síntese de cada Plano, basta acessar o site do Escolas Transformadoras. Já no site do Videocamp, é possível entrar os Planos completos, que estão disponíveis para usuários cadastrados na plataforma como educadores.

Publicado em Deixe um comentário

Curso preparatório de Mestrado para estudantes negros em SP

Fotografia de dois jovens negros, um ao lado do outro, analisando informações em um computador.
Imagem de divulgação do Curso preparatório para seleção de Mestrado para estudantes negros em SP, com informações sobre a formação e os criadores da iniciativa.
(Divulgação)

Segundo a PNAD de 2015, apesar da população brasileira ser composta de 54% de pessoas negras, apenas 29% dos pós-graduandos brasileiros são negros. Foi pensando nisso que surge o Curso Preparatório para seleção de Mestrado para Estudantes Negros, em São Paulo.

LEIA MAIS: Visionaris – Empreendedor Social oferece prêmio de 25 mil dólares

Para quem estiver interessado, é preciso preencher um formulário para se inscrever na formação. Esta iniciativa, de quatro professores negros, terá duas fases. A primeira é composta por aulas intensivas de maio a julho sobre pós-graduação, redação de projeto e seleções. Depois, haverá uma tutoria para estudantes que concluírem a primeira fase – de agosto a novembro.

Curso preparatório: mestrado para estudantes negros

Os temas das aulas incluirão conhecimentos sobre: sistema de pós-graduação no Brasil; como escolher um programa, como definir um tema de pesquisa; como otimizar estudos; como redigir o projeto; como organizar o Currículo Lattes; entre outros.

OLHA SÓ: Guia de sobrevivência da educação inovadora apoia projetos que querem transformar

As aulas acontecerão em dias e horários a serem definidos, no centro de São Paulo. O formulário pode ser preenchido só até o dia 13 de abril. Os selecionados serão informados até o final do mês sobre as datas e atividades. Saiba mais aqui: http://bit.ly/2UgkS6e.

Publicado em Deixe um comentário

Inscrições abertas para 4ª turma do Programa Embaixadores Aporé

Imagem de divulgação do Programa Embaixadores Aporé
Imagem de divulgação do Programa Embaixadores Aporé
(Reprodução/Facebook Aporé)

A Aporé abriu a chamada para inscrições na 4ª turma do Programa Embaixadores. Essa iniciativa busca estimular a singularidade de cada indivíduo. Assim, eles formam agentes de transformações que apoiam jovens do Ensino Médio a desenvolverem seus talentos e impulsionarem mudanças significativas em seu meio.

Assim, o programa cria um ambiente de aprendizagem experiencial de autoconhecimento e vivências que desenvolvem habilidades e conhecimentos para trabalhar com jovens, potencializando ao máximo quem realmente são.

As inscrições para o processo seletivo online vão até o dia 10/04. Depois, o processo seletivo em grupo acontece entre os dias 15/04 e 18/04. Por fim, o resultado será divulgado no dia 22/04, selecionando 25 pessoas para a jornada.

O programa começa no dia 30/04 e vai até o dia 9/06. São 3 encontros presenciais às terças-feiras e 2 aos domingos, e 3 encontros telepresenciais à definir com a turma. Será sediado na Aporé, na Vila Madalena em São Paulo.

Acesse o site do Aporé para saber mais sobre as inscrições, a trilha de desenvolvimento, o perfil dos embaixadores e os benefícios do programa.


Publicado em Deixe um comentário

Monique Evelle lança plataforma de microaprendizagem com gameficação

Site permite que usuário faça o curso e acumule pontos para trocar por benefícios dentro da plataforma.

A iniciativa da empreendedora Monique Evelle (que teve sua história compartilhada no livro Caindo no Brasil: uma viagem pela diversidade da educação) reúne cursos de curta duração na área de empreendedorismo, inovação e criatividade.

Conheça os cursos

O primeiro curso disponível é  “Choque de realidade para quem quer empreender”. Nele, Monique compartilha os maiores desafios dos empreendedores, dicas e ferramentas para superá-los. É ideal para quem está começando um negócio.

Além de Monique, Lucas Santana, engenheiro e consultor de Novas Tecnologias da Votorantim S/A, irá ministrar o curso “Investimentos para quem ganha pouco” que será lançado em breve.

“Para garantir o mínimo de evasão na plataforma, após a inscrição o curso fica disponível por 30 dias. Nesse mês, a pessoa poderá interagir com outros participantes, receber retornos nos grupos e fóruns, acumular pontos devido sua participação e engajamento e ainda trocar os pontos por ingressos para festivais de inovação, livros, camisetas e muito mais. “A ideia é estimular a aprendizagem e ainda recompensar as pessoas pelo comprometimento com o curso”, explica Monique.

Recompensas

Hoje, a plataforma conta com alguns parceiros que colaboram com produtos e serviços que poderão ser trocados por pontos. O Clube da Preta, primeiro clube de moda afro acessórios por assinaturas, disponibilizou alguns box de moda. A marca de camisas “Eu Sobrevivi” também disponibilizou camisas para serem trocas e ainda tem alguns ingressos para o Festival Path. Um dos maiores festivais de inovação do Brasil, acontece nos dias 1 e 2 de junho de 2019 e teve curadoria da frente de educação feita por Caio Dib.

Publicado em Deixe um comentário

Curso aberto Metodologias Ativas para a sustentabilidade

Imagem de um homem em uma sala, ao lado de um quadro, sorrindo para a fotografia.
Imagem de um homem em uma sala, ao lado de um quadro, sorrindo para a fotografia.
(Nappy)

A Reconectta está com um curso sobre Metodologias Ativas para Sustentabilidade. A formação tem como objetivo ampliar as possibilidades de trabalho com sustentabilidade, com base na Aprendizagem Baseada em Desafios (ABD).

Durante a formação, as atividades serão divididas em dois momentos: um mais teórico ligado à ABD e construção de redes. Depois, por uma atividade em grupos que abordará metodologias de planejamento, execução, avaliação e comunicação de programas e projetos em sustentabilidade.

As metodologias ativas de aprendizagem caminham junto com a construção de sociedades mais sustentáveis. Por isso, essa formação busca explorar as múltiplas conexões entre esses temas. Além disso, busca descobrir em equipe como podemos nos tornar verdadeiros agentes de transformação.

LEIA MAIS: Resultado do Desafio Aprendizagem Criativa Brasil 2019

O facilitador será Edson Grandisoli e o curso é voltado para educadores em geral e gestores escolares. O encontro é no dia 16 de março, sábado, das 8h30 às 11h30, no Colégio Liceu Santa Cruz, em SP. Eles oferecem descontos especiais para professores de escolas parceiras Reconectta e 5 bolsas integrais para educadores da rede pública. Saiba mais no site da Reconectta.

Publicado em Deixe um comentário

Curso Introdutório de Educação Sistêmica acontece em Brasília

Fotografia de dois galhos cruzados e pendurados, servindo de apoio para enfeites feitos de lã colorida e pinhas

Educadores, pais e estudantes estão buscando uma nova forma de atuar no mundo. Eles estão tomando atitudes cada vez mais conscientes, pensando no futuro do planeta. Pensando nisso, surge o Curso Introdutório de Educação Sistêmica. A formação acontece em Brasília e busca compreender e praticar o exercício da observação, e entender seus desdobramentos na aprendizagem. 

LEIA MAIS: E-book gratuito fala sobre a natureza como sala de aula

Ao longo do encontro, eles compartilham estudos de casos que mostram como o contato com os ambientes naturais conservados podem potencializar nossa mudança de perspectiva, nossos valores e, consequentemente, nossas ações, rumo a um futuro de abundância. Veja mais informações, preços, conteúdos e horários no site da Fazenda da Toca.

Publicado em Deixe um comentário

Rede UniCEU abre três cursos EAD de especialização

Fotografia com filtro azul de uma professora e dois alunos
A Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) abriu inscrição para três cursos de especialização Lato Sensu. Eles são oferecidos em quatro polos universitários da Rede UniCEU, as especializações a distância e na modalidade semi-presencial. Essa iniciativa é uma parceria entre a UTFPR, a Universidade Aberta do Brasil (UAB) e os polos de apoio presencial, incluindo os da Rede UniCEU – localizados em Unidade Educacionais da Rede Municipal de Ensino de São Paulo.  

LEIA MAIS: 8 cursos online sobre educação para fazer em 2019

No polo da Rede UniCEU Pêra Marmelo é oferecido o curso de Informática Instrumental Aplicada à Educação. Nos polos Vila Atlântica e Vila Curuçá a especialização é em Tecnologias, Comunicação e Técnicas de Ensino. E na UniCEU Butantã o curso com inscrições abertas é em Práticas Educacionais em Ciências e Pluralidade.

As inscrições vão até o dia 24 de janeiro. Acesse o site da Prefeitura de São Paulo para ler sobre os editais e fazer a inscrição.