Estudante de Bangu conquista bolsa de intercâmbio para a Universidade de Columbia (NY)

Imagem de Daniel Calarco, Estudante de Bangu conquista bolsa de intercâmbio para a Universidade de Columbia (NY), no seu bairro.

Daniel Calarco é estudante de Bangu, bairro do Rio de Janeiro, e acabou de ganhar uma bolsa de intercâmbio para o programa de Direitos Humanos e Negócios da Universidade de Columbia (NY).

LEIA MAIS: Guia de sobrevivência da educação inovadora apoia projetos que querem transformar

Com apenas 21 anos, o jovem, que é bolsista da FGV Direito RIO, foi selecionado para estudar na Columbia Law School. Será um intercâmbio complementar aos seus estudos aqui no Brasil, que vai abordar um dos cursos mais renomados da instituição: Direitos Humanos e Negócios, tema escolhido por Daniel. O programa cobrirá os custos das mensalidades, conhecido como “tuiton”, na universidade americana.

‘’Essa é uma oportunidade única para meu crescimento pessoal e profissional. Em razão da minha trajetória, tendo crescido em comunidade, aluno do Colégio Pedro II e bolsista da FGV Direito RIO, sempre vi no estudo a principal ferramenta de transformação da minha realidade social.’’diz Daniel.

A realidade de Daniel

Daniel Calarco conclui seu ensino médio na instituição federal Colégio Pedro II. Natural de Tocantis – MG, mudou para o Rio de Janeiro quando tinha um ano de idade. Na nova cidade cresceu na comunidade Vila do Vintém, no bairro Padre Miguel. Hoje ele mora em Bangu com os pais, que são feirantes, e com quem aprendeu desde cedo o valor do trabalho.

OLHA SÓ: Evento gratuito reúne especialistas para discutir Sustentabilidade na Educação

Ele lembra que em Padre e Bangu faltam oportunidades e suporte, e sobra a violência e o tráfico. “Desde muito novo senti na pele os vários problemas sociais, que são comuns a tantos outros jovens. Sempre me questionei sobre essa realidade, o que transformou os meus sonhos em um ato de rebeldia!”, conta Daniel.

A trajetória até aqui

Durante a escola, ele já tinha iniciativas em busca de uma sociedade mais justa. Lá, Daniel participou do grupo de pesquisas de geografia, e conquistou prêmios em feiras da UFRJ e UFMG. Isso resultou em uma chance de trabalhar em iniciativas internacionais lideradas pela ONU e pela Universidade de Harvard. Além disso, em 2015, ele foi selecionado pelo programa YYGS para jovens líderes na Universidade de Yale.

VEJA TAMBÉM: Evento aborda marketing escolar e a importância de profissionalização na área

Para criar impacto na sua comunidade, Calarco criou sua própria organização. Através doObservatório Internacional da Juventude, ele busca conectar, empoderar e informar jovens. A iniciativa é liderada por jovens de comunidade e oferece treinamento, consultoria e pesquisas para promover e proteger os direitos da juventude.

Quer ajudar a realizar mais um sonho?

Para ser selecionado no programa da Universidade de Columbia, Daniel participou de um processo rigoroso da FGV Direito RIO e Columbia. Isso incluiu cartas, histórico escolar, além de um planejamento de futuro que pudesse justificar sua escolha para o programa. A Columbia Law School é uma das melhores universidades do mundo, sendo a única Ivy League em Nova York.

VEJA MAIS: Rede de professores transformadores une educadores que fazem a diferença

‘’Em Columbia, poderei me aprofundar em estratégias e práticas internacionais. Assim, posso promover o desenvolvimento econômico e social através da cooperação entre empresas, governo e sociedade civil. Com os desafios que temos hoje é importante pensar em como aumentar o engajamento em vez de segregar‘, conclui.

Para realizar esse sonho, eles lançaram uma campanha de crowdfunding aberta para viabilizar custos de acomodação e passagem área. “apesar da seleção para o intercâmbio cobrir a ‘tuition’, precisarei arcar com os custos da viagem. E isso inclui taxas acadêmicas e moradia em Nova York, uma das cidades mais caras do mundo. Por essas razões, estou planejando estratégias para levantar o montante necessário com o apoio de todos que compartilham esse sonho comigo”, diz Daniel.

E TAMBÉM: Desdoutorado: projeto reúne jovens para debater sobre aprendizagem livre

O valor da campanha é exclusivamente para cobrir os valores referentes à realização e conclusão dos estudos em Columbia, Nova York, que termina com o final do programa, em dezembro de 2019. “Durante todo esse período, quero compartilhar com vocês esse momento único da minha vida. E, principalmente, e lembrar a todos os jovens que não é apenas possível sonhar, é fundamental para permanecer vivo!”.

Acesse a campanha de Crowdfunding para colaborar com este sonho: http://bit.ly/2GrGNnj

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *