Empatia na educação municipal de São Paulo

Como desenvolver a empatia na educação? A capacidade de se colocar no lugar do outro está ganhando cada vez mais importância no desenvolvimento socioemocional durante a primeira infância. Em 2018, a Secretaria de Educação de São Paulo incluirá empatia como conteúdo da grade curricular dos alunos. A empatia estará ao lado de outras competências também socioemocionais.

Criatividade, trabalho em equipe, pensamento crítico e outras competências serão desenvolvidas. Ao todo, serão nove as novas habilidades. Em entrevista ao Estado de São Paulo, o secretário municipal de Educação, Alexandre Schneider, ressalta que as novas mudanças demandarão uma formação específica para os professores da rede pública. “Estamos muito seguros de que isso vai acontecer”, afirma.

Por que desenvolver a empatia na educação?

Diversos especialistas defendem que o desenvolvimento da empatia beneficia a saúde mental das crianças e evita a depressão. Michele Borba, psicóloga educacional, escreveu o livro “Unselfie: Why Empathetic Kids Succeed in Our All-About-Me World” é uma dessas especialistas.

O site Catraquinha ressalta como diversos relatórios de tendências ressaltam a importância da empatia na educação. Publicações como o Horizon Report e o World Happiness Report 2016 colocam o desenvolvimento de competências socioemocionais como uma das principais tendências globais. As pesquisas também apontam que empatia deve ser o tema central discutido com os alunos ao longo de todos os anos de estudo.

Na educação da Dinamarca, desenvolver a empatia é tão importante quanto disciplinas curriculares. Matemática, literatura e outros componentes do currículo são desenhados com o objetivo de incorporar a empatia durante todo o desenvolvimento do estudante.

Quer se aprofundar?

O programa Escolas Transformadoras criou uma publicação sobre a importância da empatia na educação. A publicação conta com diversos artigos de especialistas e educadores. Natacha Costa, Maria Amélia Cupertino, André Gravatá, Stela Barbieri e outros escreveram textos com diversos olhares sobre o tema. Clique na imagem abaixo para baixar gratuitamente a publicação:

Empatia na educação

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *